técnicas de clonagem

Governo realiza incentivos ao desenvolvimento da cultura de cacau no estado

O governo do Acre tem realizado ações de fomento à cacauicultura, com investimentos em capacitações e cultivo de técnicas de clonagem de espécies, cujo manejo obedece a normas ambientais e agregam valor de mercado, pela qualidade final do produto.

A expectativa da Seagri é iniciar experimentos no Baixo e Alto Acre a partir de novembro, com a entrega das mudas de cacau. Foto: cedida

Na primeira etapa do projeto idealizado pela Secretaria de Agricultura do Acre (Seagri), uma equipe de técnicos da Divisão de Produção Familiar conheceu, no início de julho, experiências positivas na produção de cacau, desenvolvidas em Ouro Preto do Oeste e Jaru, em Rondônia.

A visita foi resultado de parceria com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e a Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac). Além de conhecer as variedades e as técnicas de clonagem e manejo da cultura, os técnicos trouxeram sementes, que serão germinadas para produção de mudas no Viveiro da Floresta, em Rio Branco, por meio de parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema).

Segundo o chefe do Departamento de Produção Familiar da Seagri, Diogo Sobreira, serão produzidas cerca de sete mil mudas de porta-enxertos, para posteriormente se transformarem no cultivo de 400 pés, em 12 propriedades que devem participar do experimento, no Baixo e Alto Acre, a partir de novembro

“O incentivo do governo possibilita unir experiências positivas com novas técnicas de clonagem e sistemas de manejo que melhoram a produtividade, com harmonia ambiental”, diz Sobreira.