pagamento

Governo garante indenização de trabalhadores temporários demitidos do extinto Depasa

Os trabalhadores demitidos por conta da extinção do antigo Departamento de Pavimentação, Água e Saneamento do Acre (Depasa) vão começar a receber o pagamento de suas indenizações a partir da próxima terça-feira, dia 25.

Presidente do Saneacre, José Bestene, explica pagamentos aos representantes do Sindicato dos Urbanitários do Acre. Foto: cedida

A informação é do presidente do Serviço de Água e Esgoto do Estado do Acre (Saneacre), José Bestene. De acordo com ele, o pagamento da indenização é uma decisão do governador Gladson Cameli, mas não seria possível sem a aprovação dos deputados da Assembleia Legislativa (Aleac).

“São aproximadamente mil pessoas residentes nos municípios do interior. A partir de terça-feira, de forma escalonada, o governo inicia o pagamento”, comentou Bestene. O presidente do Sindicato dos Urbanitários do Acre, Marcelo Jucá, que acompanhou todo o processo, lembrou que o pagamento da indenização foi votado pela Assembleia Legislativa do Acre e teve total apoio do então deputado José Bestene.

Ex-trabalhadores assinam documentação para receberem indenização extraordinária. Foto: Aleksandro Soares/Saneacre

“Nós reconhecemos o esforço que fez, quando era deputado, o atual presidente do Saneacre, José Bestene. Temos certeza que no Poder Executivo, Bestene vai contribuir com o mesmo esforço para que esta indenização alcance a todos os trabalhadores do extinto Depasa”, comentou Jucá.