Crédito consignado

Governo e Banco do Brasil renovam condições diferenciadas para servidores

Os servidores públicos que desejarem contratar empréstimo consignado no Banco do Brasil terão condições diferenciadas. As vantagens foram possíveis por meio de um termo de cooperação realizado entre o governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Gestão Administrativa (SGA), e a instituição financeira.

O termo viabiliza a renovação da carência de até seis meses para pagamento da primeira prestação para os novos contratos e também para quem possui empréstimos consignados vigentes, desde que tenha margem de crédito.

A secretária de Gestão Administrativa, Sawana Carvalho, destaca que o termo de cooperação pode ajudar o servidor público, neste momento em que governo concedeu reajustes salariais, a organizar as finanças. “Ele tem a possibilidade de renovar seu consignado com margem de carência para pagar a primeira parcela, isso faz com que o servidor se organize e a economia no estado continue girando”, afirmou.

Os servidores também têm um prazo de até 96 meses e taxas diferenciadas, tendo em vista que está é uma operação que apresenta um risco muito pequeno para o banco. Essas vantagens já podem ser contratadas pelos servidores por meio de smartphones, internet, nos terminais de autoatendimento e nas próprias agências bancárias.

“Essa é uma forma, analisando o cenário, as dificuldades do momento, de colocar à disposição dos servidores uma fonte a mais de recurso e que movimente também o comércio do estado”, declarou o superintendente Estadual do Banco do Brasil, Paulo Amaral.