expoalimentaria

Governo do Acre inaugura estande na maior feira de alimentos da América Latina

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict) e da Agência de Negócios do Acre (Anac), inaugurou nesta quarta-feira, 27, seu estande na Expoalimentaria 2023, realizada em Lima, no Peru. Pela primeira vez, o Acre participa da maior feira de alimentos da América Latina, realizada no Centro de Exposição Jockey Plaza, em Santiago de Surco, região da capital peruana.

Solenidade teve início com abertura oficial da Expoalimentaria, maior feira de alimentos da América Latina. Foto: Stalin Coquin/Federacre

A parceria com a Federação da Indústria do Estado do Acre (Fieac), a Federação das Associações Comerciais (Federacre), o Fórum Empresarial de Inovação e Desenvolvimento e o Sebrae levou para o evento mais de 30 empresários do setor de bebidas e alimentos.

A inauguração conjunta do estande pelos estados do Acre e Rondônia foi prestigiada pelo embaixador do Brasil no Peru, Clemente Soares; pelo presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil), Jorge Viana; pelo senador Sérgio Petecão; pelo presidente da Assembleia Legislativa do Acre, deputado Luiz Gonzaga; pelo governador de Rondônia, Marcos Rocha; pelo vice-presidente da Fieac, João Paulo Pereira; e pelo presidente da Federação de Agricultura e Pecuária (Faeac), Assueiro Verônez; além de empresários do setor produtivo.

O estande tem um portfólio dos principais produtos de exportação da indústria e do setor comercial acreano para a projeção de negócios com a perspectiva de alavancar investimentos com empresas internacionais. Várias rodadas de negócios, conferências empresariais e seminários serão realizados até sexta-feira, 29. A feira conta com 300 expositores, de 17 países. A expectativa da Associação de Exportadores do Peru (Adex), organizadora da 15ª edição da feira, é de movimentar R$ 320 milhões em negócios.

Após a abertura do estande, as autoridades do Acre e de Rondônia foram recepcionadas pela vice-ministra de Relações Exteriores e Turismo do Peru, Teresa Stella Mera Gómez, na sala de reuniões da Expoalimentaria. O encontro reforçou as intenções de ampliação das relações bilaterais entre Brasil e Peru, e o fortalecimento da rota interoceânica.

Estande dos estados do Acre e Rondônia está sendo bastante visitado na Expoalimentaria. Foto: Stalin Coquin/Federacre

“O encontro com a vice-ministra foi mais uma oportunidade para demonstrarmos o esforço dos governos do Acre e de Rondônia pelo fortalecimento desse corredor de exportação e importação. Transmitimos a mensagem do governador Gladson Cameli, que é o grande incentivador das estratégias de comércio exterior que permitem a inserção do Acre na economia mundial”, disse o titular da Seict, Assurbanipal Mesquita.

Para o diretor regional de Desenvolvimento da Secretaria de Planejamento do Acre, Marky Brito, a agenda planejada pelo governo para os próximos dez anos leva em consideração toda a logística de integração com os países andinos. “Soja, milho, madeira e castanha estão entre os produtos de maior volume para exportação. A parceria com Rondônia e Amazonas viabiliza esse fluxo. Para os próximos dez anos, precisamos produzir mais com inovação tecnológica”, acrescentou.