formação técnica

Governo certifica alunos de cursos técnicos da Escola de Gastronomia

No intuito de qualificar os estudantes acreanos com capacitações que podem ser aplicadas no cotidiano de uma profissão, o governo do Estado intensifica as políticas públicas que ofertam essas oportunidades.

Nesta sexta-feira, 17, o Instituto de Educação Profissional e Tecnológica Dom Moacyr (Ieptec), promoveu mais um ato de certificação para educandos da Escola de Gastronomia e Hospitalidade Miriam Assis Felício, no bairro Cidade do Povo, em Rio Branco.

Os mais de 60 estudantes receberam suas certificações técnicas de cursos oferecidos pelo Estado. Foto: José Caminha/Secom

Cerca de 60 alunos concluíram as atividades dos cursos técnicos em Cozinha, Eventos e Hospedagem. A solenidade de diplomação foi realizada no auditório da unidade de gastronomia, e contou com a presença dos respectivos educandos, familiares, gestores do Ipetec e representantes dos poderes executivo e legislativo.

“O governador Gladson e a primeira-dama do Estado, Ana Paula Cameli, determinaram como prioridade da gestão, promover fortalecer a educação profissional no Acre, como exemplo, as ações como essas que estão sendo desenvolvidas na Escola de Gastronomia, que auxiliam os jovens na inserção no mercado de trabalho”, destaca o diretor-presidente do Ieptec, Francineudo Costa.

O ato solene de certificação dos alunos dos cursos de Cozinha, Eventos e Hospedagem, foi realizada no auditório da Escola de Gastronomia. Foto: José Caminha/Secom

Conceitos como planejar, organizar, executar e supervisionar o trabalho em serviços de alimentação em cozinhas; aplicações práticas relacionadas à área de meios de hospedagem em empresas; realização de eventos que movimentam a cadeia produtiva do turismo, entre outras temáticas, foram abordados nesses cursos oferecidos pelo Ieptec.

“Temos grandes atrativos, tanto na nossa culinária, quanto na área do turismo. Por isso, qualificamos essas turmas, para que estes novos agentes técnicos, possuam colocar os seus conhecimentos em prática, e consequentemente, atender as demandas do mercado local”, relata o coordenador da Escola de Gastronomia, Márcio Aguiar.

Bolos, tortas, salgados, sucos, entre outros alimentos produzidos pelos alunos do curso de Cozinha, foram servidos para os participantes, após o ato solene. Foto: José Caminha/Secom

O deputado federal Alan Rick, esteve presente na solenidade, e aproveitou a oportunidade para compartilhar aos presentes, como as qualificações técnicas, contribuiram para o seu crescimento profissional, durante a sua juventude.

“No período em que cursei o ensino médio, eu fiz curso técnicos de Administração, Informática e Desenhos Básicos. Tais formações, me ajudaram a adentrar no mercado de trabalho. Por isso, eu sei o que se passa na cabeça de cada um desses jovens, e na condição de parlamentar, estou ajudando o governador Gladson Cameli na expansão das ações do Ieptec em todo o estado”, comentou.

Visão de futuro

O jovem Lucas Alencar, de 22 anos, morador do bairro Vila Acre, foi um dos concludentes do curso técnico em Cozinha. Sua satisfação era plena, pois ao olhar para o seu nome no certificado, ele comentava que passava um filme na sua cabeça, pois sempre quis ser um profissional da área gastronômica.

O estudante Lucas Alencar recebe o seu certificado de conclusão do curso técnico em Cozinha. Foto: José Caminha/Secom

“Eu comecei a me interessar pelo manuseio e preparação de alimentos desde os meus 9 anos de idade, inspirados pela minha mãe e avó. Com o passar do tempo, a minha paixão pela culinária só aumentou, e agora, estou aqui, concluindo a minha formação em gastronomia, e já tenho metas de trabalhar em algum restaurante ou empresa, e também ingressar no ensino superior, para me potencializar na área”, conta.

Já o recém-formado no curso de Hospedagem, Orimedio Siqueira, de 19 anos, morador do Polo Belo Jardim, expressa sua gratidão aos seus familiares, pelo incentivo aos estudos, e ao governado do Estado, por proporcionar essa sua qualificação. O jovem também possui planos para o futuro.

O jovem Orimedio Siqueira expressa sua gratidão aos familiares e funcionários do Ieptec, pela sua qualificação técnica em Hospedagem. Foto: José Caminha/Secom

“Tenho que agradecer a minha família, principalmente a minha mãe por ter me impulsionado para fazer um curso técnico. Nas opções que tinham, eu optei pelo de Hospedagem. Confesso que me identifiquei com a qualificação, e espero em breve, demostrar todo o meu conhecimento, trabalhando em algum hotel da cidade”, disse.