reconhecimento

Governador Gladson Cameli é condecorado com a Comenda da Ordem do Mérito Naval

O governador Gladson Cameli foi condecorado, na manhã desta sexta-feira, 8, com a Comenda da Ordem do Mérito Naval da Marinha Brasileira, no Navio de Assistência Hospitalar Dr. Montenegro, em Cruzeiro do Sul.

Gladson recebeu a maior honraria da Marinha Brasileira. Foto: Neto Lucena/Secom

O comandante do 9º Distrito Naval (Com9ºDN), vice-almirante Ralph Costa, entregou a honraria e reconheceu o apoio do governo do Acre às ações de saúde realizadas pela Marinha a bordo do Navio Dr. Montenegro.

“É uma satisfação impormos a Medalha Mérito Naval ao governador Gladson no navio do Acre. Essa é a comenda mais importante da Marinha. O nosso lema é Protegendo Nossas Riquezas e Cuidando da Nossa Gente e o governador é um exemplo muito claro disso”, declarou o comandante.

A comenda foi criada pelo decreto federal nº 24.659, de 1934, e destina-se a premiar os militares da Marinha que se distinguiram no exercício da profissão e, excepcionalmente, as organizações militares e instituições civis, nacionais e estrangeiras, suas bandeiras ou estandartes, assim como personalidades civis e militares, brasileiras ou estrangeiras, que prestaram relevantes serviços à Marinha do Brasil.

A comenda é entregue a personalidades civis e militares, brasileiras ou estrangeiras, que prestaram relevantes serviços à Marinha do Brasil. Foto: Neto Lucena/Secom

Gladson recebeu com alegria a homenagem. “É um momento de reconhecimento do trabalho que vem sendo feito pelas nossas Forças em amar, servir e proteger a população. A Marinha é exemplo disso, pois agora mesmo, ao fim da cerimônia, os nossos índios Katukina estarão recebendo ações de saúde no Navio Dr. Montenegro. Isso mostra a política de cuidado com os povos da floresta”, pontuou Cameli.

Beatriz Cameli também foi homenageada pelo governador em memória do seu tio, saudoso ex-governador Orleir Cameli, que construiu o navio-hospital em 1997.

Gladson agradeceu presenteando o comandante Ralph Costa com uma peça do artesanato acreano e uma biografia do seu tio Orleir Cameli. Foto: Neto Lucena/Secom

Navio Dr. Montenegro

Transferido por contrato de cessão entre a Marinha do Brasil e o governo do Acre, o navio de assistência hospitalar (NAsH) Dr. Montenegro é tripulado por 22 oficiais, 63 praças e uma equipe de saúde formada por 30 militares.

A embarcação está no Juruá com a intenção de realizar 20 mil atendimentos de saúde aos ribeirinhos. “Até o fim de março já havíamos computado um total de 15 mil atendimentos. Ainda iremos atender as regiões do médio e baixo Juruá, chegando a Porto Walter e Marechal Thaumaturgo”, explica o comandante do navio, Raphael Siqueira.

O navio salva vidas e torna mais digna a vida de ribeirinhos, com a oferta de consultas médicas e odontológicas, cirurgias de pequeno porte, exames clínicos, laboratoriais, pré-natais, de raio-X e mamografias, além de realizar palestras educativas, distribuição de medicamentos e atenção farmacêutica.

Seu nome é uma homenagem ao médico acreano Manoel Braga Montenegro, nascido em 14 de março de 1927, à cabeceira do Rio Liberdade, distante 80 km de Cruzeiro do Sul.