Planejamento

Governador e secretários ajustam últimos preparativos para o 27° Fórum de Governadores, que acontecerá no Acre

O governador Gladson Cameli se reuniu na tarde desta quarta-feira, 31, em sua residência, com o secretário da Casa Civil, Jonathan Donadoni, o secretário de Governo, Alysson Bestene, e o secretário adjunto de Governo, Luiz Calixto, para definir os últimos preparativos do 27° Fórum de Governadores da Amazônia Legal, que terá como sede o Acre.

A última edição do encontro foi realizada durante a 28ª Conferência das Partes (COP) da Organização das Nações Unidas (ONU), oportunidade em que os nove governadores dos estados que compõem a Amazônia Legal pactuaram e assinaram a Carta de Manaus, que prevê a ação conjunta e integrada dos estados para o combate do desmatamento e das queimadas na região.

Cameli pontuou que essa também é uma oportunidade para alinhar internamente uma grande reunião que vai ocorrer em breve, com secretários e presidentes de autarquias. Foto: Neto Lucena/Secom

O chefe do executivo frisou a importância de trazer o encontro ao Acre, oportunidade em que acontecerão debates importantes para a sociedade, como combate às queimadas, desmatamentos e crimes transfronteiriços, como também a formulação de avanços nos diálogos sobre o desenvolvimento sustentável.

“O Acre é um protagonista na área do desenvolvimento sustentável, e vamos continuar a parceria com os estados que compõem a Amazônia Legal. Nosso objetivo é avançar cada vez mais nessa pauta, para que possamos manter a nossa floresta em pé ao mesmo tempo que geramos emprego e renda para o povo do Acre e de toda a região Amazônica”, frisou.

O Fórum de Governadores da Amazônia Legal ocorre ainda nos primeiros meses de 2024, com local ainda a definir entre a capital, Rio Branco, ou Cruzeiro do Sul.

“Aproveitamos a reunião para alinhar internamente alguns detalhes e pautas que vão ser levantadas no próximo encontro de secretários e presidentes de autarquias do Estado, que deve ocorrer nos próximos meses. Nosso objetivo é que toda a equipe de governo trabalhe em prol do nosso objetivo e meta principal, que é cuidar das pessoas, principalmente dando condições dignas de vida e moradia por meio da criação de emprego e renda ao povo acreano”, concluiu o gestor.