acompanhamento

Fundhacre recebe equipe de Atenção Básica de Brasileia para tratar sobre fluxo do Programa de Obesidade

A Fundação Hospital Estadual do Acre (Fundhacre), por meio do Programa de Obesidade, recebeu nesta quinta-feira, 2, a coordenadora da Atenção Básica do município de Brasileia, Kaline Torres, e o chefe do grupo de Reeducação Alimentar, Vandico Lopes.

O objetivo da reunião foi a busca do melhoramento do fluxo de atendimento e facilitação do acesso aos pacientes de Brasileia que estão dentro dos critérios para cirurgia bariátrica.

Foto: Gleison Luz/Fundhacre

O coordenador do programa, Alyson Moraes, apresentou as metodologias para que os pacientes possam ser inclusos no processo de inscrição do Programa de Obesidade.

Para o melhoramento do fluxo, o paciente do município virá para Rio Branco com uma periodicidade menor, facilitando na agilidade dos atendimentos com os profissionais.

O coordenador do programa, Alyson Moraes, apresentou as metodologias para que os pacientes possam ser inclusos no programa. Foto: Gleison Luz/Fundhacre

“Pactuamos um fluxo para que esses pacientes possam dar entrada no programa no seu próprio município e assim dar início aos acompanhamentos individuais pelos profissionais da localidade, sendo estes nutricional e psicológico, com foco posterior para a cirurgia bariátrica”, salientou o coordenador.

O objetivo da reunião foi tratar sobre o melhoramento do fluxo. Foto: Gleison Luz/Fundhacre

O encontro ocorreu por meio da gerente do Núcleo de Prevenção de Doenças Crônicas do Eixo de Obesidade que faz parte da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), Glecilia Rodrigues.

“Realizamos essa ponte com os municípios com o intuito de viabilizar e ajudar os pacientes no que for necessário para a inclusão no Programa de Obesidade”, disse a gerente.