diminuir a fila

Fundhacre realiza mutirão de consultas de cabeça e pescoço 

Foi realizado na Fundação Hospital Estadual do Acre (Fundhacre) na manhã deste sábado, 26, um mutirão de consultas na especialidade de cabeça e pescoço. A unidade hospitalar vem realizando vários mutirões, e recentemente ocorreu na especialidade de otorrinolaringologista.

Fundhacre realiza mutirão de consultas de cabeça e pescoço. Foto: Juliana Queiroz

“Esse tem sido uma preocupação e um cuidado do governo do Estado, por meio do nosso governador Gladson Cameli, em agilizar as cirurgias nessa área de cabeça e pescoço”, destaca a chefe do ambulatório da Fundhacre, Rosangela Farias.

Os atendimentos estão sendo realizados em pacientes de vários municípios e o objetivo é acelerar a fila de espera.

Jair Leal de Moraes é servidor público e mora no município de Brasiléia. Foto: Juliana Queiroz

Jair Leal de Moraes, servidor público, mora no município de Brasiléia e há três anos está aguardando a consulta. “O sentimento é de muita alegria e confiança de que tudo está se encaminhando e dando certo para a realização da consulta e posteriormente minha cirurgia”, afirma o paciente.

O médico cirurgião especialista em cabeça e pescoço, Mário Jorge relata que trata-se de uma especialidade rara para a população.

Médico cirurgião especialista em cabeça e pescoço, Mário Jorge no atendimento. Foto: Juliana Queiroz

“Esse mutirão faz com que a fila de cabeça e pescoço possa ter a demanda reprimida, sendo esse nosso maior objetivo, temos alguns pacientes que já estão aguardando há tempos pelo procedimento cirúrgico, assim mantemos o mapa normal das cirurgias eletivas onde é priorizado os pacientes oncológicos, e nos mutirões priorizamos os pacientes que não são oncológicos”, afirma o médico.

Foram atendidos no mutirão, vinte pacientes. Estiveram contribuindo no acolhimento as enfermeiras da regulação de cirurgias Suraia Figale e Andreza Santos.