balanço

Esporte avalia participação do Acre em competições nacionais

O Departamento de Esportes da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes (SEE) se reuniu no fim desta semana para avaliar a participação de atletas, técnicos e dirigentes nas mais diversas competições em nível nacional, sobretudo os Jogos da Juventude e os Jogos Escolares Brasileiros (JEBs).

Ciclismo acreano ficou a medalha de bronze na classificação geral. Foto: Stalin Melo/SEE

A reunião foi realizada no próprio Departamento de Esportes, localizado nas dependências do estádio Arena da Floresta. De acordo com o chefe do Departamento, Júnior Santiago, essa avaliação acontece todos os anos “e este ano não poderia ser diferente, até pelos números positivos que tivemos”.

Os números positivos aos quais Santiago se refere dizem respeito às sete medalhas conquistadas pelos atletas acreanos durante a realização dos jogos escolares, no Rio de Janeiro, agora no mês de novembro. Ciclismo com três medalhas, futsal masculino, atletismo, vôlei feminino e handebol masculino foram as modalidades em destaque na competição.

Reunião também serviu de planejamento para o ano de 2023. Foto: Stalin Melo/SEE

Ele reconhece que o esporte educacional no Estado ainda precisa avançar, mas faz questão de destacar os investimentos que o governo tem realizado, desde 2019, para que o Acre pudesse alcançar, este ano, números tão expressivos.

“A gente precisa cuidar para que esses atletas, assim como se destacaram este ano nos jogos escolares, também venham a se destacar nos jogos da juventude, na faixa etária de 15 a 17 anos e também nos jogos universitários. Existe uma ordem cronológica para que a gente possa entregá-los lapidados”, afirmou.

A reunião, além de avaliar os pontos positivos e os pontos negativos da participação dos atletas nessas competições serviu também para fazer os ajustes necessários da delegação, seja em relação a logística, seja na questão esportiva ou na parte de coordenação, além de planejar as ações para o ano de 2023.

A melhor participação do Acre nos Jogos Escolares também foi avaliada pelo Departamento de Esportes. Foto: Stalin Melo/SEE

“Então, essa reunião serve exatamente para que a gente possa, da melhor maneira possível, levar o Acre ao cenário nacional e atual gestão, nessa retomada das atividades em 2021 deu um upgrade no orçamento do esporte permitindo que se trouxesse resultados agora em 2022 e isso foi sensacional”, disse.

E os investimentos que estão sendo realizados pelo governo permitirão fazer uma padronização do esporte escolar acreano em nível nacional. “Já tivemos uma mudança este ano, blocamos os jogos do interior em modalidades e vamos aperfeiçoar ainda mais, profissionalizando os jogos escolares, fazendo com que ele tenha um padrão sul-sudeste, sendo o Acre o primeiro estado do Norte a fazer essa mudança”, explicou.