cuidados

Educação reúne novo Conselho de Alimentação Escolar

A Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), reuniu na manhã desta quinta-feira, 9, na sala de reuniões do gabinete, o novo Conselho de Alimentação Escolar (CAE) para o quadriênio 2021/2024.

A reunião teve como objetivo abrir as portas da SEE para a nova composição do Conselho, dando pontapé inicial aos trabalhos de fiscalização dos recursos aplicados, onde ficou deliberada, ainda para este ano, uma visita ao Centro de Distribuição de Rio Branco, que atende as regionais do Alto e Baixo Acre, para que os novos integrantes do CAE possam conhecer a estrutura da SEE na capital.

Nova composição do Conselho de Alimentação Escolar para o quadriênio 2021/2024. Foto: Mardilson Gomes/SEE

Após superar a maioria dos desafios e dificuldades diante do início das aulas presenciais na pandemia, hoje as escolas estão funcionando abastecidas de merenda escolar, inclusive de forma reforçada, então a SEE chamou o CAE para iniciar as atividades de acompanhamento e fiscalização.

“Foi uma pauta positiva, vimos uma boa intenção do presidente e acreditamos que juntos garantiremos correta aplicação dos recursos da Merenda Escolar em todo o estado. As escolas hoje estão bem abastecidas de arroz, feijão, macarrão, salada e proteína. Isso muito nos alegra e nos incentiva a trabalhar cada vez mais”, enfatizou Hézio Figueiredo, chefe do Departamento de Alimentação Escolar.

O CAE tem como principal função zelar pela concretização da alimentação escolar de qualidade, por meio da fiscalização dos recursos públicos repassados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que complementa o recurso do estado, para a execução do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

“A merenda é a única refeição para muitas crianças, por isso este Conselho é muito importante, para verificar se as escolas estão recebendo uma merenda de qualidade e como está sendo feita a distribuição. Nós vamos trabalhar para isso, visitando algumas escolas e os Centros de Distribuição”, destacou Geanio da Silva, presidente.

Geanio da Silva, presidente do Conselho de Alimentação Escolar. Foto: Mardilson Gomes/SEE

Os membros representantes das instituições com assento no Conselho Estadual de Alimentação Escolar, para o quadriênio 2021/2024, publicado no Decreto nº 10.275, de 14 de outubro de 2021 são os seguintes:

 I – Representantes do Poder Executivo:

  1. Titular: Edivan Freitas de Sousa – Conselheiro;
  2. Suplente: Vaneide Braga Marim – Conselheira.

 II – Representantes dos Professores:

  1. Titular: Getúlio da Luz Soares – Conselheiro;
  2.  Suplente: Alcilene Maria Gurgel da Silva Pinto – Conselheira;
  3.  Titular: Aldeni Nunes de Matos (OPIRE) – Conselheiro;
  4.  Suplente: Jaime Sebastião Prishico Manchineri – Conselheiro;

III – Representantes de Pais de Alunos:

  1. Titular: José Edmar Graça – Conselheiro;
  2. Suplente: Rosilene Ferreira de Souza – Conselheira;
  3. Titular: Whebert Tadeu Moraes Resende – Conselheiro;
  4. Suplente: Maria Tânia Matos da Silva – Conselheira

IV – Representantes da sociedade civil:

  1. Titular: Francisca Atiliana Nascimento de Almeida – Vice-Presidente;
  2. Suplente: Elizete Rodrigues Feitosa – Conselheira;
  3. Titular: Francisco Geanio da Silva Moura – Presidente;
  4. Suplente: Antonio Iago de Castro Lima – Conselheiro.

Ao todo, são 14 conselheiros entre titulares e suplentes que representam o poder executivo, os professores, os pais de alunos e a sociedade civil.