Conselho Estadual de Economia Solidária se reúne com representante nacional

Secom.AcreEM0607151698
C0nselheiros se preparam para iniciar o acompanhamento da economia solidária no Acre (Foto: Edna Medeiros/Secom)

Na segunda-feira, 6, o Conselho Estadual de Economia Solidária recebeu palestra do representante do Ministério do Trabalho e Emprego, Antônio Haroldo Pinheiro. A nova diretoria, que havia sido empossada durante a manhã, foi orientada sobre normativas e diretrizes para o início do trabalho no Acre.

A principal orientação é acerca do Cadastro Nacional dos Empreendimentos Solidários (Cadsol), um serviço online organizado pela Secretaria Nacional de Economia Solidária (Senaes) que pretende mapear a categoria no país.

“Queremos dar um salto de qualidade, aumentando a abrangência e tendo de forma clara os números da demanda para podermos ofertar os serviços, ou seja, ampliar o acesso de políticas públicas”, explica Pinheiro.

Outro cadastro apresentado foi o Sistema Nacional do Comércio Justo e Solidário (SCJS), que, de acordo com o Portal do Trabalho e Emprego, “é um sistema ordenado de parâmetros que visam promover relações comerciais mais justas e solidárias, articulando e integrando os Empreendimentos Econômicos Solidários e seus parceiros colaboradores em todo o território brasileiro”.

Os conselheiros devem iniciar em breve o levantamento de dados no Acre, para que o reconhecimento do contexto atual apoie o desenvolvimento da microeconomia estadual.