Cidade do Povo: a construção de uma nova vida

LSP_9152
“Ter um novo lar sempre foi um sonho, que agora, virou verdade. Nem consigo acreditar que realmente eu consegui”, diz Sofia (Foto: Diego Gurgel/Secom)

 

Um lar digno, sem risco de alagação ou desabamento, era um sonho que a dona de casa Sofia Pontes de Lima almejava há mais de 30 anos. Moradora do bairro Triângulo Novo, mudou-se para a Cidade do Povo há pouco menos de um mês, e realizada, conta como é viver na nova residência.

“Onde eu morava, além de alagar, ainda ficava sempre cheio de lama. Aqui eu saio de casa e já piso no asfalto. Ter um novo lar sempre foi um sonho, que agora, virou verdade. Nem consigo acreditar que realmente eu consegui”, diz Sofia.

LSP_9145
Sofia morava no bairro Triângulo Novo, onde todo ano alagava (Foto: Diego Gurgel/Secom)

Agora, Sofia divide o lar com o marido e o sobrinho de quatro anos. O filho mais velho que morava no mesmo bairro também foi beneficiado em outra entrega na Cidade do Povo, e no momento, mora na mesma quadra que a mãe. “É muito bom para ser verdade. Além de realizar o meu sonho, ainda tive a oportunidade de morar próximo ao meu filho”, exalta a dona de casa.

A casa anterior, localizada na Rua Maria de Lourdes, foi demolida, conforme é acordado em contrato com o beneficiado e o governo do Estado. “Todas as casas são demolidas e viram propriedade do Estado, assim, evitamos que outras pessoas ocupem a área de risco. Posteriormente, o local se tornará área verde ou até mesmo um parque”, explica o coordenador de campo da Secretaria de Estado de Habitação (Sehab), José Wilson.

Somente nesta semana, mais de 11 casas de áreas de risco foram demolidas. O trabalho continuará em todos os domicílios que foram desocupados pelas famílias, que agora, vivem em empreendimentos habitacionais entregues pelo governo do Estado e governo federal, por meio do programa Minha Casa, Minha Vida.

Antiga moradia foi demolida (Foto: Gleilson Miranda/Secom)
Antiga moradia foi demolida (Foto: Gleilson Miranda/Secom)