Boa notícia

Centro Dia para Idosos deve retomar atividades nas próximas semanas

Centro oferece diversas atividades para aproximadamente 70 idosos (Foto: Angela Peres/Secom)

O Centro Dia para Idosos, coordenado pelo Serviço de Proteção Social Especial da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Seds), deverá retomar as atividades nas próximas semanas, de acordo com o secretário Gabriel Maia.

“O Centro dia paralisa suas atividades todo mês de dezembro. Nós deveríamos ter retomado as atividades no início de março. Mas, infelizmente, por conta da licitação de alimentos houve esse atraso. Contudo, a licitação já está concluída, entrando na fase dos tramites burocráticos finais e, nas próximas semanas, estaremos com o Centro Dia em pleno funcionamento”, declarou Maia.

O local recebe em média 70 idosos que participam de terapia ocupacional, recreação, caminhada, ginástica, fisioterapia, hidroginástica, oficina de artesanatos e ainda têm psicoterapia e reuniões familiares periódicas, que visam restabelecer ou fortalecer os vínculos da pessoa idosa com a família e a sociedade.

Cerca de duas mil cestas básicas que serão entregues aos Cras estão no local provisoriamente (Foto: Alexandre Noronha/Secom)

Base temporária

Enquanto as atividades estão suspensas, numa das salas do Centro estão acondicionadas, provisoriamente, cerca de duas mil cestas básicas que serão encaminhadas para os Centros de Assistência Social (Cras).

Maia explica que essas cestas, adquiridas pelo governo com recursos do Programa de Inclusão Social e Desenvolvimento Econômico Sustentável do Acre (ProAcre), devem ser destinadas às famílias em situação de extrema pobreza, como consta no contrato do recurso. “Para os idosos a alimentação é diferenciada, deve obedecer uma série de recomendações nutricionais”, esclarece o secretário.

O secretário informou que já está em contato com a equipe da Secretaria de Extensão Agroflorestal e Produção Familiar (Seaprof) para que as cestas sejam alocadas em um galpão com as devidas condições de conservação dos produtos.

“Estamos aguardando a BR sentido Cruzeiro do Sul ter melhores condições de tráfego para encaminhar as cestas básicas para os Cras da região do Vale do Juruá. Em média, cada Cras deve receber 100 cestas básicas”, disse Maia.

A Seds já realizou a entrega de cestas nos municípios de Rio Branco, Porto Acre, Porto Walter, Senador Guiomard, Plácido de Castro, Capixaba, Xapuri, Epitaciolândia, Brasileia e Assis Brasil.