Educação

Ceflora é reinaugurado no Juruá com proposta de integrar conhecimentos tradicionais e técnicos

Sob a concepção de uma interface de integração dos saberes tradicional e empírico com o conhecimento técnico, o Governo do Estado do Acre, por intermédio do Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec), promoveu nesta quinta-feira, 26, a solenidade de reinauguração do Centro de Educação Profissional e Tecnológica do Juruá (Ceflora), em Cruzeiro do Sul.

A unidade, que já chegou a ser escolhida pelo Ministério da Ciência e Tecnologia como uma das quatro melhores experiências em educação profissionalizante do país foi conduzida pelo presidente do Ieptec, Francineudo Costa, e prestigiada pelo prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro, e o secretário de Estado de Educação, Cultura e Esportes, Mauro Sérgio.

Também compuseram o dispositivo de honra, a diretora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), Michelle Miranda; o presidente da Câmara Municipal de Cruzeiro do Sul, Clodoaldo Rodrigues; a coordenadora de Ensino do Juruá, Ruth Bernardino; e a coordenadora-geral do Ceflora, Raylene Cameli.

Ainda durante a solenidade deu-se encaminhamento à assinatura de termos de cooperação técnica firmados com a Prefeitura de Cruzeiro do Sul e com empresas na área da saúde para viabilizar a implementação da educação profissional por meio da realização de estágios de conclusão de cursos dos alunos do Cept.

Termos de cooperação técnica foram assinados para viabilizar avanços na educação profissional em Cruzeiro do Sul Foto: Ascom Ieptec

Estrutura

Atualmente, o Ceflora conta com laboratórios (produtos florestais, ciências aplicadas, processamento de alimentos), salas de aula, biblioteca e auditório. Continuará atuando com cursos de Formação Inicial e Continuada (Fics) (qualificação técnica), habilitação técnica, gestão, informática, produtos florestais, indústria com ênfase em alimentação e cooperativismo, entre outros.

Parlamentares e representantes de Estado prestigiaram o evento Foto: Ascom Ieptec

Em 2005, porém, funcionava em um espaço de apenas 350 metros quadrados. Com o crescimento da demanda, estendeu seu espaço para 1.800 metros quadrados, visando melhor atender às comunidades provenientes não apenas da cidade de Cruzeiro do Sul, mas de todo o Vale do Juruá, como Mâncio Lima, Rodrigues Alves e Marechal Thaumaturgo), além de Tarauacá e Feijó.

“Não é fácil gerir a educação profissional. O poder público tem essa responsabilidade de garantir a educação para o trabalho também, a qualificação da população, de nossos jovens, através de uma grande rede de parceiros. Estamos trilhando um caminho para que o Acre seja um dos estados brasileiros que mais investem e acreditam no potencial das pessoas por meio do conhecimento”, disse o presidente do Ieptec, Francineudo Costa.

Histórico

O Ceflora iniciou suas atividades no dia 15 de novembro de 2005 como uma Unidade Regional do Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional Dom Moacir Grechi (IDEP-DM), tendo sua sede estabelecida no município de Cruzeiro do Sul, conforme estabelece a Lei Estadual no 1.695, de 21 de dezembro de 2005.

Desde sua criação, o Ceflora formou mais de 15 mil alunos Foto: Ascom Ieptec

Nos anos seguintes, as ações do Ceflora foram se universalizando em toda a regional Juruá/Tarauacá/Envira, chegando nas áreas urbanas dos municípios, em comunidades indígenas, ribeirinhas e extrativistas, buscando sempre cumprir a ideia original de fazer um bom diálogo entre os saberes escolares e os saberes tradicionais.

Nos primeiros cinco anos de atuação, o Ceflora atuou apenas na execução de cursos de Formação Inicial e Continuada e, somente a partir de 2011 teve a possibilidade de ingressar na modalidade de Formação Técnica, com cursos presenciais nas modalidades concomitantes e subsequentes nos municípios de mais fácil acesso.

Uma iniciativa do governador Gladson Cameli, em 2019, viabilizou a restauração e revitalização da estrutura física e da equipe gestora, visando aprimorar a oferta de educação profissional de qualidade a toda Regional do Vale do Juruá.

Transcorridas quase duas décadas de sua inauguração, o Ceflora já concluiu 1.124 turmas, o que representa 15.746 alunos formados tanto em Cursos Fics quanto em Cursos Técnicos nas mais diversas áreas profissionais, nos municípios da Regional Juruá/Tarauacá/Envira.