Bombeiros auxiliam famílias no retorno para as residências em Brasileia

Mais de 50 mudanças já foram realizadas (Foto: Angela Peres/Secom)
Mais de 50 mudanças já foram realizadas (Foto: Angela Peres/Secom)

Aos poucos a situação se normaliza em Brasileia. Com a vazante do Rio Acre, as famílias que residem em áreas já vistoriadas pela Defesa Civil Estadual retornam para suas residências. O Corpo de Bombeiros Militar (CBMAC), que desde o inicio da catástrofe fez a remoção de maneira segura das vítimas, agora atua na operação de retorno dos desabrigados.

As secretarias de Assistência Social do Estado e Município são quem identificam as famílias aptas a voltar para casa. O estudo é embasado em laudo da Defesa Civil, que certifica a segurança na estrutura física das residências. O trabalho da corporação inicia às sete da manhã e não tem hora definida para acabar.

Até às 15 horas desta segunda-feira, 2, mais de 50 mudanças já tinham sido realizadas. Dos 23 abrigos públicos que estavam disponíveis na cidade, dois já foram totalmente desocupados. O trabalho de limpeza das ruas atingidas pela enchente está sendo realizado pela prefeitura e governo do Estado, por meio do Departamento Estadual de Estradas e Hidrovias (Deracre).

A comerciante Euzebina Gonçalves da Silva, 63 anos, hospedada há uma semana no abrigo público da Escola Estadual Kairala José Kairala, destaca a atuação do Corpo de Bombeiros: “Para a gente que teve a casa alagada e perdeu muita coisa, a ajuda para voltar para casa é importante. Eles (bombeiros) são uns meninos ótimos, não tenho nada o que reclamar. Na alagação de 2012 eles também nos ajudaram com a mudança”.

Segundo o comandante geral do CBMAC Coronel Gundim, a instituição realizou em Brasileia, no período de alagação, mais de mil mudanças. “Nós já começamos o serviço de retorno das famílias dando prioridade para as que estão em abrigos públicos. Agora, na hora do retorno, nós estamos fazendo vistorias nos pontos mais críticos, com equipes de engenheiros. As pessoas que não ficam às margens do rio já estão retornando”, enfatizou Gundim.

Bombeiros estão atuando no auxílio às famílias (Foto: Angela Peres/Secom)
Bombeiros estão atuando no auxílio às famílias (Foto: Angela Peres/Secom)

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest