Acre é o terceiro estado no ranking da vacinação contra a rubéola

Estado atingiu mais de 100% da meta de cobertura vacinal

rubola_jpg.jpg

Até 2010, países do continete americano devem eliminar a doença (Foto: Gleilson Miranda/Secom)

O Acre é o terceiro estado do Brasil no ranking da cobertura vacinal contra a rubéola, atrás apenas de Alagoas e Amazonas. O Secretário estadual de Saúde, Osvaldo Leal, recebeu nesta semana um relatório do Ministério da Saúde sobre a situação do Acre em nível nacional no combate à doença. A meta era vacinar 230 mil 826 pessoas, na faixa etária de 20 a 30 anos no Estado. De acordo com o balanço, a cobertura vacinal ultrapassou esse número e chegou a 232 mil 149, atingindo o índice de 100,57%.

A campanha nacional contra rubéola começou em agosto e durou 5 meses. O Secretário Estadual de Saúde, atribui o bom resultado ao trabalho de mobilização do Governo do Estado em parceria com as prefeituras dos municípios para levar a vacina à toda a população da zona urbana e rural. "Esse índice reflete no trabalho que o Governo do Estado vem fazendo para melhorar a cobertura vacinal aqui no Acre. Isso porque a nossa estratégia é de investir na prevenção das doenças. Tivemos uma boa preparação e a mobilização foi feita durante o ano todo com esse compromisso de garantir o direito de todos os acrianos. As administrações municipais também responderam muito bem a esse trabalho."

Até 2010, os países do continente americano devem eliminar a rubéola e a síndrome da rubéola congênita, conforme acordo internacional firmado com a OPAS. A rubéola é uma doença grave quando atinge as mulheres grávidas. Os bebês ao nascer podem ter problemas como surdez, cegueira e retardo mental. E o único tratamento é a prevenção, através da vacina.