Trabalhadores em saúde recebem orientação sobre infecção hospitalar

Para conscientizar os profissionais de saúde e a sociedade a diminuir os danos e mortes provocados por infecções relacionadas à assistência à saúde, 15 de maio é lembrado como o Dia Nacional do Controle de Infecção Hospitalar.

De forma divertida, profissionais de saúde orientam colegas sobre infecção hospitalar ( Foto: Assessoria Sesacre)
De forma divertida, profissionais de saúde orientam colegas sobre infecção hospitalar ( Foto: Assessoria Sesacre)

Com isso, o Departamento de Vigilância Sanitária, por meio da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (Cecih), realiza a campanha “Paciente Seguro”, com a implantação de protocolos e ações de segurança para que sejam aplicadas de forma mais efetiva nos hospitais.

Durante a semana, os profissionais de saúde foram às unidades hospitalares para orientar os colegas de trabalho sobre a prevenção e as causas das infecções hospitalares.

“O controle da infecção hospitalar tem sido amplamente debatido nas unidades de saúde e na comunidade, o que, segundo a Cecih, reforça a necessidade de manutenção das comissões de controle de infecção hospitalar atuantes e organizadas de acordo com o serviço de saúde”, destaca a farmacêutica Rejane Vieira.

Rejane diz ainda que a qualidade dos serviços de saúde é essencial para reduzir e controlar os riscos a que o paciente está submetido em um hospital. Por isso, um conjunto de ações de controle sanitário e regulamentação são imprescindíveis para identificar precocemente eventos que afetam a segurança do paciente, reduzir o dano e evitar riscos futuros.