missão

Segurança Pública utiliza Harpia 2 para trazer respiradores artificiais para o Acre

A luta e o empenho dos profissionais da segurança pública do Acre no combate ao coronavírus não param durante a pandemia enfrentada pelo mundo todo. Na manhã desta quarta-feira, 21, uma equipe do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), utilizou a aeronave Harpia 2 para ir até a cidade de Porto Velho  buscar 3 respiradores artificiais que seriam usados no tratamento de pacientes com Covid 19.

De acordo com o comandante do voo, sargento da PM Jonas Pereira, que cumpria a missão juntamente com o copiloto, 3º sargento da PM João Plácido, no mesmo dia eles retornaram a Rio Branco onde deixaram um respirador e seguiram para Cruzeiro do Sul, para deixar outros dois, que também serão utilizados no tratamento de pacientes com Covid 19. Além de medicamentos enviados pela Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), a aeronave transportou uma paciente retornando de tratamento de câncer fora do estado e um ventilador Bipap em Marechal Thaumaturgo.

Harpia 2 em missão para amenizar o impacto da pandemia do coronavírus no estado do Acre Foto: Cedida

“É com enorme prazer que passamos horas nos céus da nossa Amazônia para estar contribuindo com o nosso governador e levar mais tranquilidade à nossa sociedade e com a  sensação de dever cumprido”, destacou o comandante da operação, sargento Jonas.

Para o secretário de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Santos, essa é mais uma demonstração de compromisso e preocupação que a segurança pública tem com a população acreana e missões como esta só são possíveis graças ao esforço do Governo do Estado quando trouxe para o estado a aeronave Harpia 2.

“Nada disso seria possível se o governador Gladson Cameli não tivesse a sensibilidade de investir na Segurança Pública do Acre. Eu não tinha dúvidas de que o Harpia 2 teria muita utilidade no nosso estado, prova disso são as inúmeras missões já realizadas, no sentido de transportar pacientes, levar medicamentos e outros insumos emergenciais a outros municípios do estado, além da utilização da aeronave durante essa crise de pandemia que estamos enfrentando. Quero parabenizar também o empenho incansável de toda a equipe do Ciopaer”, completou.

Segundo o coordenador geral do Ciopaer, Nayck Trindade, o Ciopaer não têm medido esforços para amenizar ainda mais a situação de pandemia no estado, além das missões que já fazem parte do cotidiano da corporação.

Nossas equipes têm se empenhado em todas as missões, principalmente nesse momento delicado de pandemia. Queremos  agradecer ao Governo do Estado e ao secretário de Segurança, Paulo Cézar, que têm nos dado todo o apoio logístico para que missões como esta sejam sempre possíveis de realizarmos. O Ciopaer estará à disposição para ajudar a nossa sociedade no que estiver ao nosso alcance”, completou.