Prevenção

Rio Acre apresenta vazante e autoridades seguem monitoramento

A situação dos mananciais no Acre segue sob controle. O Rio Acre, na capital, apresentou vazante nos últimos dias, registrando nesta sexta-feira, 5, a cota de 7,67 metros, segundo dados da Defesa Civil.

Em Rio Branco, o manancial segue abaixo da cota de alerta (Foto: Gleilson Miranda/Secom)

O governo do Estado, por meio da Comissão Estadual de Gestão de Riscos Ambientais (CEGdRA), em parceria com as prefeituras, tem monitorado os principais rios e afluentes no Acre, no intuito de prevenir possíveis eventos extremos e adotar medidas de proteção à população.

Em Rio Branco, a cota de alerta é de 13,50 metros e de transbordamento, 14 metros. De acordo com o Sistema de Previsão da Amazônia (Sipam), a previsão para esta sexta-feira é de tempo instável em todo o estado, com céu parcialmente nublado e encoberto na capital.

Já na região do Vale do Juruá, o sol aparece entre nuvens, deixando o tempo abafado, o que pode ocasionar pancadas de chuva com trovoados no período da noite.

Interior

Em Assis Brasil, o manancial registrou 3,70 metros nesta manhã. No município, a cota de alerta é de 11,30, enquanto a de transbordamento é de 12,50 metros. Já em Brasileia, o manancial apresentou a marca de 2,85 metros.

Rio Madeira também segue sendo monitorado. Registro de 2016 (Foto: Maria Meirelles/Secom)

Rio Madeira

A situação do Rio Madeira também segue sob controle. No trecho do Abunã, o manancial apresentou vazante de ontem para hoje, registrando a cota de 18,75 metros nesta manhã.

“Essa ainda é uma margem relativamente segura para nós. Estamos monitorando, em contato constante com a Defesa Civil de Rondônia e a Polícia Rodoviária Federal, para agirmos em caso de necessidade”, salientou o major do Corpo de Bombeiros Claúdio Falcão.