Qualidade

Polícia Civil cria Núcleo de Qualidade de Vida do operador de segurança

Seguindo diretrizes da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), a Polícia Civil do Acre oficializou, na manhã desta quinta-feira, 8, a criação do Núcleo de Qualidade de Vida (NQV) no âmbito da instituição. A oficialização de criação do núcleo ocorreu no auditório da instituição com a presença do diretor-geral, Josemar Portes, delegados, diretores e coordenadores.

O NQV funcionará na sede da instituição e tratará especificamente da qualidade de vida do operador de segurança por meio de profissionais qualificados para ofertar atendimento psicológico e acompanhamento de ações desenvolvidas para proporcionar melhoria na qualidade de vida do policial civil.

Delegado Vanderlei Scherer Thomas palestrou sobre o conceito de qualidade de vida Foto: Cedida

A Organização Mundial da Saúde (OMS) preconiza que a qualidade de vida não é somente buscar atendimento médico regular, mas a percepção do indivíduo de sua inserção na vida, no contexto da cultura e sistemas de valores nos quais ele vive e em relação aos seus objetivos, expectativas, padrões e preocupações.

O coordenador do Núcleo, delegado Vanderlei Scherer Thomas, ofertou palestra com abordagem ampla sobre o conceito de qualidade de vida e falou da importância do núcleo.

O olhar humanizado da instituição em relação aos seus colaboradores e em relação à sociedade a que serve é um diferencial que o programa qualidade de vida quer reforçar na Polícia Civil. Saber reconhecer as fragilidades e buscar elevar a autoestima do servidor e a melhoria da qualidade do atendimento da população são objetivos do núcleo”, destacou Scherer.

Os pontos abordados pelo palestrante foram as várias dimensões da qualidade de vida envolvendo o servidor, a instituição e a população, as implicações do adoecimento psíquico e a necessidade de se buscar hábitos saudáveis para manter uma qualidade de vida elevada.