Índice de homicídios no Acre cai nos dois primeiros meses do ano

Secretário de segurança do Estado atribui resultados ao trabalho em equipe das polícias e comunidade

para_o_site.png

Investimento em equipamentos e treinamento foram decisivos para redução dos índices (Foto: Assessoria SESP)

O choque de gestão determinado pelo governador Tião Viana para os primeiros 120 dias de governo tem trazido resultados positivos para a redução da criminalidade no Acre. Em números reais, isso significa menos 11 mortes violentas em 2011 até agora. Entre janeiro e fevereiro do ano passado foram registradas 36 mortes violentas contra 15 no mesmo período deste ano.

Nos dois primeiros meses deste ano a segurança pública, agindo de maneira integrada, conseguiu a redução dos crimes contra a vida (homicídios) em 58,33 por cento em relação ao mesmo período do ano passado.

O secretário de Segurança Pública, Reni Graebner, atribui os bons resultados ao trabalho integrado e em equipe. "Foram conquistas conseguidas em um período em que ainda estamos discutindo com as demais autoridades da Segurança Pública uma projeção de metas de indicadores de redução de violência que projetamos para algo em torno de seis a sete por cento em 2011", declarou. "Essa redução de índices não é uma conquista da Segurança Pública ou do governador. É um trabalho de equipe. O grande favorecido é o cidadão, que vai aprendendo a conviver com menos violência, mais proteção e mais segurança”.