Meio Ambiente se prepara para o combate ao desmatamento e queimadas

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), ofertou durante o período de 23 a 25 deste mês uma capacitação de Geotecnologia para gestores públicos e membros de grupo de trabalhos com temática ambiental dos municípios de Rio Branco, Bujari, Porto Acre, Plácido de Castro, Acrelândia e Santa Rosa. O curso aconteceu no auditório da Secretaria de Segurança Pública do Acre (Sesp) e teve a participação de 30 alunos.

Curso em Rio Branco teve a participação de 30 alunos de quatro municípios (Foto: Assessoria Sema)
Curso em Rio Branco teve a participação de 30 alunos de quatro municípios (Foto: Assessoria Sema)

O principal objetivo do curso é capacitar os participantes para aturem no fortalecimento da gestão ambiental do Acre. O aluno sai do curso com noções básicas de operação de GPS, elaboração de cartografia digital com representação de dados espaciais e elementos de mapas. O curso é financiado pelo BNDES/Fundo Amazônia e teve a duração de 20 horas.

O secretário de Meio Ambiente do Acre, Carlos Edegard de Deus, encerrou o curso lembrando a importância do conteúdo apresentado e aproveitou para pedir que os participantes se dediquem e usem o treinamento para que o estado esteja preparado para medidas preventivas no monitoramento dos desmatamentos e queimadas.

“O Estado planejou este curso desde 2009, agora é hora de vocês se empenharem contribuindo no monitoramento e combate às queimadas e desmatamentos no Acre”, finalizou.

O engenheiro florestal e instrutor do curso, Diego Cavalcante, explica que o curso também contará com um módulo envolvendo aulas sobre legislação ambiental e as mudanças no novo Código Florestal.

“Este curso já foi oferecido na região do Juruá, Tarauacá-Envira e agora no Baixo Acre. O próximo passo é levar o módulo de legislação e discutir o novo Código Florestal nessas regiões”, concluiu a coordenadora do curso, Conceição Marques.