Instituto Imaculada Conceição completa 52 anos de fundação

Programação celebra o aniversário da instituição com atividades durante toda esta sexta-feira

imaculada_conceicao_140808_3.jpg

Foto Angela Peres / Secom

 

imaculada_conceicao_140808_1.jpg

Foto Angela Peres / Secom

 

imaculada_conceicao_140808_2.jpg

Foto Angela Peres / Secom

Uma das escolas mais tradicionais da capital, o Instituto Imaculada Conceição (IIC) completa nesta sexta-feira, 52 anos de fundação. Para comemorar a data, a direção promove uma série de atividades durante o dia.

O colégio fez parte da vida escolar de muitas pessoas do Acre, inclusive, autoridades, como a desembargadora Izaura Maia. Foram também professores do local a senadora Marina Silva e o governador Binho Marques.

Para envolver os alunos na comunidade, a escola desenvolve vários projetos sociais. Os alunos plantaram mudas de árvores no sítio das irmãs, daqui há dois anos eles retornarão para verem os resultados. Será entregue nesta sexta-feira, cestas básicas as várias entidades carentes. Foi desenvolvida este ano, uma programação em torno da Campanha da Fraternidade, ressaltando o valor da vida. Além de outros eventos, valorizando o folclore e a alimentação saudável.

A freira Maria Cláudia, que trabalha no Instituto desde 1964, ressalta a importância do ensino de qualidade. Ela foi professora de português em Rio Branco e nas cidades de Sena Madureira e Xapuri, e durante 9 anos dirigiu o Instituto Imaculada Conceição. Hoje, aos 77 anos, mesmo aposentada, continua como coordenadora da escola.”Trabalhamos muito bem com os professores. Sempre estivemos preocupados em transmitir o ensino para os nossos alunos.”

Atualmente, a o IIC está sob a gestão da professora Jorgete Corrêa, a primeira gestora na história da instituição que não é freira. Ex-aluna, Jorgete aos cinco anos de idade iniciou seus estudos no Imaculada e lá conclui o ensino médio. “A nossa educação está voltada aos valores cristãos, a vida como centro de tudo”. Afirma Corrêa, explicando a participação da Igreja na educação dos alunos.

Para os alunos, o ensino é de qualidade. “Estudo aqui desde a alfabetização, gosto muito do ensino, é muito bom. Pretendo concluir meus estudos aqui”, diz a aluna Tamires Prado, estudante da 7º série, da turma 72. A escola vem alcançando grandes resultados também no vestibular. “Em 2004, alcançamos o 2º lugar em Medicina e o 6º em Direito, na Ufac”, afirma Jorgete. Além de outros aprovados em faculdades particulares. Atualmente, a escola conta 706 alunos da alfabetização ao 3º ano do ensino médio, nos períodos da manhã e tarde.