Políticas Públicas

Governo escuta reivindicações e promete ampliar políticas públicas para mulheres

Na tarde do dia 26, o governador Gladson Cameli, na companhia da primeira-dama, Ana Paula Cameli, e a gestora da Secretaria de Estado de Assistência Social, dos Direitos Humanos e Políticas para as Mulheres (SEASDHM), Ana Paula Lima, receberam o Conselho Estadual dos Direitos da Mulher (Cedim).

Governo recebeu as participantes do Conselho e escutou suas reivindicações. Foto: Pedro Devani/Secom

Reunião ocorreu no auditório da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), onde uma carta e um relatório, provenientes do Seminário de Avaliação das Políticas Públicas para Mulheres, ocorrido no dia 14 de setembro deste ano, foram entregues às autoridades. 

As integrantes do Cedim puderam se expressar e expor algumas demandas consideradas necessárias, buscando fortalecer a atuação das autoridades e dialogar sobre a promoção de políticas públicas para mulheres do estado. Na ocasião, o governador tomou nota dos apontamentos levantados e assinou a carta apresentada pelo conselho, expressando compromisso com a causa.

Governador Gladson Cameli e Giovana Castelo Branco, presidenta do Cedim. Foto: Diego Gurgel/Secom

A partir das preocupações levantadas pelas mulheres, Gladson Cameli se presta a contribuir na temática que o conselho lida com tanto empenho e se mostrou positivo quanto à retomada da Secretaria de Estado de Políticas Públicas para as Mulheres, uma das principais reivindicações feitas pelo coletivo. 

Um aspecto que o chefe de Estado presa e compactua com seus servidores é o comprometimento em trabalhar em prol da sociedade para a qual governa: “No meu governo, nós trabalhamos no intuito de cuidar do próximo, pois não há nada mais importante do que a vida”, conclui Cameli, solicitando encaminhamentos futuros para a retomada da estimada secretaria. 

Gestora da SEASDHM, Ana Paula Lima, apontando dados da Diretoria de Políticas para as Mulheres. Foto: Pedro Devani/Secom

A secretária da SEASDHM, Ana Paula Lima, apresentou para todos alguns dados resultantes de trabalhos executados no último ano, pela Diretoria de Políticas para as Mulheres, que se encontra na secretaria em que gere. Como 723 atendimentos realizados em zonas rurais, 1251 mulheres atingidas por palestras e 3528 famílias beneficiadas com cestas básicas.

A atuação do Ônibus Lilás, serviço itinerante que oferece aconselhamento jurídico, assistência social e acolhimento psicológico, é um dos principais projetos da diretoria. Outro passo importante que o governo executa é a criação de Organismos de Políticas para Mulheres (OPM) nos demais municípios do Acre, que ampliam a implementação de políticas públicas. Feitos que podem ser expandidos com a exclusividade e dedicação de uma secretaria voltada apenas para assuntos que concernem as mulheres do estado.