mobilidade

Governo entrega balsa para Comunidade Barro Alto no Riozinho do Rola

Neste final de semana, o governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem do Acre (Deracre), entregou a balsa José Barrada para a comunidade Barro Alto, no Riozinho do Rola, na estrada Transacreana, em Rio branco. Há mais de 10 anos comunidade reivindicava do poder público uma embarcação para facilitar o deslocamento das famílias, ribeirinhos e produtores agrícolas.

Presidente do Deracre visitou comunidade do Barro Alto para entrega da embarcação. Foto: Ascom/Deracre

Trata-se de uma reivindicação dos moradores do Barro Alto atendida pelo governador Gladson Cameli e executada pelo Deracre. De acordo com Sócrates Guimarães, Diretor de Portos e Aeroportos, a embarcação possui nove metros de comprimento por quatro de largura, com um calado de oitenta centímetros que suporta vinte toneladas de peso. A entrega da embarcação foi realizada as margens do Riozinho do Rola.

A entrega da embarcação foi realizada as margens do Riozinho do Rola. Foto: Ascom/Deracre

“A diretoria executiva do Deracre decidiu fazer uma homenagem póstuma a José Barrada, que durante anos prestou serviço ao Estado na antiga Secretaria de Hidrovias, como piloto, transportando castanha dos produtores ribeirinhos do Riozinho do Rola para o Mercado Central de Rio Branco”, afirmou Sócrates Guimarães.

Tony Roque e Ronan Fonseca estiveram presentes na entrega da balsa. Foto: Ascom/Deracre

O presidente do Deracre, Petronio Antunes e os diretores, Ronan Fonseca e Sócrates Guimarães, Tony Roque estiveram presentes na entrega.

“Em nome do governador quero cumprimentar a comunidade, destacando o quanto é importante para o Estado ter um governador como Gladson Cameli, comprometido e que tem como meta tirar as comunidades do isolamento”, destaca o presidente do Deracre, Petronio Antunes.

Rosalina Queiroz Leite, Presidente da Associação, ressalta a importância da balsa para comunidade do Barro Alto onde vivem cerca de cinco mil moradores que há mais de dez anos lutam para ter acesso a estrada vicinal da Transacreana.

Sócrates Guimarães reafirmou compromisso do governador Gladson. Foto: Ascom/Deracre

“É uma grande economia de tempo que será propiciada pela embarcação. Até a Transacreana, por esse lado, são apenas onze quilômetros; enquanto que pelo outro lado são quarenta e sete quilômetros, e tudo fica muito difícil para todo mundo”, afirmou a líder comunitária.

Os trabalhos do Deracre seguem por todo estado e visam garantir a melhora da qualidade de vida dos acreanos, além de facilitar a trafegabilidade em todo Acre.