Governo certifica alunos do curso de padeiro confeiteiro pelo IDM

Formação de Padeiro e Confeiteiro. Ações de governo que contribuem para a geração de emprego renda. (Foto Tamara Smoly IDM)
Formação de padeiro confeiteiro: ações de governo que contribuem para a geração de emprego e renda (Foto: Tamara Smoly/IDM)

Nesta semana, o governo do Estado, por meio do Instituto Dom Moacyr (IDM), certificou 40 jovens e adultos do curso de Padeiro Confeiteiro. A formação abrange a produção de pães, bolos, doces, salgados fritos e de forno, dentre outros lanches conhecidos e apreciados pelos acreanos.

Com o oferecimento do curso, o Governo objetiva profissionalizar jovens e adultos para serem inseridos no mercado de trabalho, seja como autônomos ou contratados pelo setor comercial de gastronomia na área da panificação, em diferentes localidades.

Para Diego, “esse curso foi melhor do que o esperado. Aprendi muito, pretendo conseguir maquinários e começar a produção para comercializar no meu próprio bairro”.

Maria Sampaio declarou que sempre teve o sonho de fazer esse curso, mas as condições financeiras não permitiam. “Fiz minha inscrição pelo site do Pronatec, já estou produzindo bolos e salgados, consegui a prioridade para fazer entregas na cantina de uma escola da rede privada, apresentei meus produtos e a minha cozinha, e a diretora gostou muito”.

A formação qualifica o profissional para produzir uma alimentação saudável, escolher os produtos corretos para a compra, aproveitar o máximo a produção, armazenar de forma correta e higienizar os ambientes, além de ficar atento quanto a validade dos produtos e empreendedorismo.

Maria, que é moradora do Bairro João Eduardo II e tem 3 filhos, destaca que esse curso veio em um momento oportuno, já que o seu esposo encontra-se doente, impossibilitado de trabalhar, e precisa muito da ajuda da mãe para pagar seus estudos.

A formação de Padeiro Confeiteiro teve duração média de três meses e ocorreu na Escola Técnica em Saúde. Os cursos são demandados pelo governo federal, por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) e executado pelo governo do Acre, em parceria com as secretarias de Estado, Assistência Social e prefeituras locais.

“O governo finaliza mais um ano de muito trabalho e realizações. Fizemos parte dos sonhos de muitos jovens e adultos que tiveram suas vidas transformadas pela qualificação profissional, elevando sua escolaridade, e preparando muitos para iniciar seus pequenos negócios e proporcionar uma vida digna para os seus familiares”, afirmou o diretor-presidente do IDM, Marco Brandão.