renovação

Fundhacre recebe mais de 40 caixas de instrumentais cirúrgicos

Tratamento, assistência e atendimento direcionado, esses são os aspectos presentes na saúde da atual gestão. E o desejo do profissional atuante nessa área é ver o fluxo hospitalar normal, ou seja, com consultas acontecendo e cirurgias sendo realizadas. Com isso, nesta semana, a Fundação Hospital Estadual do Acre (Fundhacre), em Rio Branco, recebeu mais de 40 caixas de instrumentais cirúrgicos.

Entrega dos materiais cirúrgicos. Foto: Danna Anute

O momento da entrega das caixas com os materiais cirúrgicos foi simbólico e faz parte de uma etapa do contrato com a empresa Bioplus, que já disponibilizou a primeira entrega de instrumentais e itens para cirurgias vascular, colecistectomia, amigdalectomia, pequena cirurgia, drenagem torácica, laparotomia, curetagem e histerectomia.

Caixa de drenagem torácica. Foto: Danna Anute

“Nós sabemos que a saúde é um bem de construção coletiva, e é por meio dessa visão que a atual gestão da Fundhacre, e com o apoio do governo do Gladson conseguiu melhorar a dinâmica estrutural do Centro Cirúrgico da unidade hospital, que precisava de recursos e materiais novos para substituir pelos instrumentais velhos, que estavam sendo usados há pelo menos 20 anos”, afirmou o presidente da Fundhacre, João Paulo Silva.

Assinatura sobre o recebimento dos instrumentais cirúrgicos Foto: Danna Anute

Na Fundação hospitalar, a exemplo, somente em julho de 2021 foram realizadas 449 cirurgias. Esse quantitativo implica as variantes do cenário pandêmico, e também está relacionado as condições do setor, que precisava de salas cirúrgica revitalizadas e materiais novos.

“A finalidade da entrega dos instrumentais cirúrgicos é substituir todos os materiais velhos e que já não estavam adequados para serem usados. As caixas novas darão uma nova qualidade nos procedimentos cirúrgicos, e conta com materiais modernos, isso é importante para assistência ao paciente, e promove a melhoria no sistema de saúde”, disse Duciana Araújo, diretora do setor de planejamento na Fundhacre.

Instrumento cirúrgico. Foto: Danna Anute

A saúde acreana tem atuado com planejamento estratégico para zerar as filas de esperas por um procedimento cirúrgico, e a Fundação Hospitalar tem conseguido avançar nos processos assistenciais para que a população obtenha respostas, seja nos níveis ambulatoriais, em exames ou diagnósticos.

“A entrega das caixas com os materiais cirúrgicos faz parte de mais uma conquista da gestão para melhorar a qualidade de vida dos acreanos. Estamos vencendo as dificuldades, e com os recursos materiais entregues nos últimos anos já podemos começar um novo momento na saúde acreana”, relatou Tatiana Calixta, gerente do centro cirúrgico na unidade hospitalar.