Festival da Banana é sucesso em Rodrigues Alves

houve atrações seja na área do esporte, da música e das festas, além do desfile cívico (Foto: Onofre Brito)
Houve festa e atrações na área do esporte e da música, além do desfile cívico (Foto: Onofre Brito)

Encerrada na terça, 28, a programação dos 23 anos de emancipação política do município de Rodrigues Alves mostrou que mesmo em tempos de crise é possível comemorar a vida. Desde a última sexta-feira houve atrações seja na área do esporte, da música e das festas, além do desfile cívico.

Também foi marcante a realização do primeiro Festival da Banana. O município concentra 80% de sua população na zona rural e está firmado como grande produtor de farinha e banana, além de outros produtos da agricultura familiar.

A fábrica de doces construída pelo governo do Estado e entregue à administração da Cooperativa de Produtores Mãos Unidas da Praia da Amizade no ano passado foi fundamental para a produção dos vários itens expostos à venda nos quatro dias de festa. Além do doce de banana, que a fábrica já vinha produzindo, também surgiram novidades como a bala de banana, a mariola, o salgadinho de banana, o mingau, bolos e trufas.

As autoridades prestigiaram o evento (Foto: Onofre Brito)
As autoridades prestigiaram o evento (Foto: Onofre Brito)

O resultado financeiro foi bom. Tudo o que foi exposto foi vendido, até mesmo banana in natura. Segundo o presidente da cooperativa, Francisco Cavaco da Silva, o “Chico Magro”, os produtores estão estimulados e a fábrica vai melhorar e aumentar a produção.

Os produtos oriundos de banana não tiveram bom resultado sozinhos. Na festa de Rodrigues Alves foi realizada a Feira de Economia Solidária e para ela valeu o apoio vindo da Secretaria de Pequenos Negócios, que recentemente doou ao município 30 barracas. Foi bem variada a oferta de produtos na feira, desde comida e bebida a artesanato e roupas.

Ainda não foi feito um balanço financeiro do evento, mas se calcula que as vendas devem ter ultrapassado os R$ 100 mil. O prefeito Francisco Ernilson de Freitas, o “Burica”, destacou o crescimento da produção familiar no município e o apoio que a prefeitura e o governo do Estado vêm dando na atenção aos ramais.