saúde

Em três meses, centro de reabilitação do Estado realizou 300 atendimentos

Com a pandemia da Covid-19, alguns serviços de saúde do Acre tiveram que ser reduzidos ou interrompidos para resguardar profissionais e pacientes. Com isso, o Centro Especializado em Reabilitação (CER), ligado à Assistência à Saúde do Estado, suspendeu os atendimentos presenciais, mas possibilitou que os serviços fossem oferecidos de forma remota.

Durante meses críticos da pandemia de Covid-19 os atendimentos ocorreram de forma remota. Foto: Cedida

No dia 20 de agosto os atendimentos presenciais retornaram e, agora, completando três meses, o CER já realizou 300 atendimentos, segundo sua gerente administrativa, Sneyla Santos.“Nós trabalhamos com reabilitação intelectual, auditiva e neuromotora. Ainda, atendemos pacientes ortopédicos e fazemos a estimulação precoce. Com a pandemia da Covid-19, também oferecemos a reabilitação cardiopulmonar aos pacientes que tiveram a doença”, relatou.

Esta semana foram retomados os atendimentos aos pacientes que fazem parte do Programa de Saúde Auditiva. “Agradecemos o esforço do governador Gladson Cameli em garantir que os serviços sejam restabelecidos com qualidade, segurança e rapidez, prezando pelas medidas sanitárias de prevenção ao coronavírus”, destacou a secretária adjunta de Assistência à Saúde, Paula Mariano.