Corpo de Bombeiros alerta para os perigos de armazenar combustível

Com a finalidade de prevenir possíveis acidentes, o comando do Corpo de Bombeiros fez um alerta aos cidadãos que compraram combustível em grande quantidade nos últimos dias. Com o boato que circulou nas redes sociais sobre um possível racionamento na venda de combustível, os postos de gasolina da capital ficaram lotados, e o estoque suficiente para três dias foi vendido em apenas algumas horas.

Santos recomenda cautela por parte dos consumidores (Foto: Luciano Pontes/Secom)
Santos recomenda cautela por parte dos consumidores (Foto: Luciano Pontes/Secom)

Até o momento, o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) ainda não recebeu pedidos de socorro relacionados a acidentes com produtos inflamáveis, mas é necessário atenção na manipulação desses produtos. “Os combustíveis são produtos altamente voláteis e de fácil combustão. O risco de explosão e incêndios é iminente. Estocar combustível em locais indevidos é proibido e representa perigo para adultos e crianças”, afirmou o major Santos, do Corpo de Bombeiros.

O Corpo de Bombeiros já entrou em contato com o sindicato dos donos de postos de combustível para pedir cautela por parte dos empresários na tentativa de evitar transtornos maiores. Santos lembra que a fiscalização cabe à Agência Nacional do Petróleo (ANP), mas o cidadão que quiser fazer denúncias pode ligar para o número 193.