Propostas

Contribuições do Departamento Estadual de Água e Saneamento para o projeto de eficiência energética do Procel Sanear são aceitas pela Aneel

Entre os dias 17 de fevereiro e 8 de março de 2022 a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), por meio da Consulta Pública nº 005/2022, recebeu contribuições para o 4° Plano Anual de Aplicação de Recursos do Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (4° PAR Procel).

O Departamento Estadual de Água e Saneamento do Acre (Depasa) apresentou três contribuições para o projeto Eficientização de Sistemas de Abastecimento de Àgua e Esgoto (SAAE) em cidades de até 100.000 habitantes.  Todas foram aceitas. Para a apresentação das contribuições, o Depasa contou com o apoio do eAmazônia, centro de pesquisa da região Norte, localizado no campus Rio Branco da Universidade Federal do Acre (Ufac).

A contribuição enviada propôs a inclusão de um município da região Norte no projeto, contemplação da administração direta, além do aumento do orçamento do projeto de R$ 3.800.00,00 para R$ 5.700.000,00.

 

Aneel aceita contribuições do Depasa para o projeto de eficiência energética do Procel Sanear. Foto: Clemerson Ribeiro/Depasa

O diretor-presidente do Depasa em exercício, Ítalo Lopes, falou sobre a importância da iniciativa para melhoria da qualidade dos serviços de abastecimento de água no interior do Acre:  “ A autarquia tem seu orçamento atrelado de maneira direta aos gastos de energia em suas estações de tratamento, em todos os municípios do Acre. Tendo isso em vista, as tratativas para o projeto de eficiência energética buscam otimizar o sistema e aumentar a capacidade de fornecimento de água tratada nas unidades dos municípios.”

A Consulta Pública recebeu contribuição de um total de 10 empresas dos mais variados segmentos do Brasil, entre autarquia de saneamento, conselho de consumidores, instituto de pesquisa, distribuidoras e outras entidades. O Depasa foi a única autarquia do segmento de saneamento que apresentou à Aneel contribuições para o projeto de eficiência energética do Procel Sanear, garantindo a participação de pelo menos um município da região Norte no projeto.

“Sentindo a necessidade de incluir a região Norte, sugerimos então ampliar a proposta, que inicialmente contemplaria apenas duas empresas no país, para incluir também uma empresa da região, como forma de colaborar para o desenvolvimento econômico e melhorias dos serviços de saneamento local”, esclareceu Lucas Matheus de Sousa Lima, pesquisador do e-Amazônia.

Com a redação final do projeto apreciada e aprovada no dia 14 de março pelo Comitê Gestor de Eficiência Energética (CGEE), agora o Depasa aguarda a publicação do edital para participar do projeto e trazer melhorias e implantação de medidas de eficiência energética para o estado do Acre.