Comitê Gestor do programa Ruas do Povo já realizou vistorias em 27 bairros de Rio Branco

Visitas são necessárias para adequar os projetos técnicos à realidade de cada bairro da cidade, que possuem demandas e necessidades diferentes

Em Rio Branco, o comitê gestor responsável pelo programa Ruas do Povo, sob a coordenação do diretor-geral do Deracre, Marcus Alexandre, já pavimentou somente este ano 84 ruas em 22 bairros da cidade (Foto:Assessoria Deracre)
Em Rio Branco, o comitê gestor responsável pelo programa Ruas do Povo, sob a coordenação do diretor-geral do Deracre, Marcus Alexandre, já pavimentou somente este ano 84 ruas em 22 bairros da cidade (Foto:Assessoria Deracre)
Em Rio Branco, o comitê gestor responsável pelo programa Ruas do Povo, sob a coordenação do diretor-geral do Deracre, Marcus Alexandre, já pavimentou somente este ano 84 ruas em 22 bairros da cidade (Foto:Assessoria Deracre)

Em Rio Branco, o comitê gestor responsável pelo programa Ruas do Povo, sob a coordenação do diretor-geral do Deracre, Marcus Alexandre, já pavimentou somente este ano 84 ruas em 22 bairros da cidade (Foto:Assessoria Deracre)

O programa Ruas do Povo foi lançado pelo governador Tião Viana nos primeiros dias da gestão para pavimentar as ruas dos 22 municípios acreanos até 2014. Aos poucos, o sonho de muitos acreanos vai se transformando em realidade. Até o mês de novembro, mais de 300 ruas já haviam sido pavimentadas em diversos municípios como Rodrigues Alves, Assis Brasil, Xapuri, Brasileia, Manoel Urbano, Sena Madureira, Tarauacá e Feijó.

Em Rio Branco, o comitê gestor responsável pelo programa Ruas do Povo, sob a coordenação do diretor-geral do Deracre, Marcus Alexandre, já pavimentou somente este ano 84 ruas em 22 bairros da cidade. Não é tudo. Na capital, a meta é pavimentar 2.020 ruas até 2014, sendo 3.197 ruas em todo o Estado, de acordo com o levantamento feito por técnicos do governo no mês de março.

Em outubro, o governo do Estado deu ordem de serviço para pavimentar mais 222 ruas em 37 bairros da cidade, dos quais em 11 deles a pavimentação contemplará  todas as ruas da comunidade. A partir daí, Marcus Alexandre reuniu toda a equipe técnica para fazer o levantamento das principais necessidades e definir as prioridades que serão realizadas ainda neste inverno. “Mas nossa meta é pavimentar as ruas desses bairros visitados ainda no verão do próximo ano”, faz questão de afirmar.

Marcus Alexandre sabe que é preciso fazer todo o planejamento de trabalho agora para aproveitar ao máximo o verão do ano que vem. Por isso, reuniu toda a equipe técnica do comitê gestor para colocar o pé na lama. Em pouco menos de um mês, já visitou até este final de semana 27 bairros. Andando, conversando, ouvindo e anotando sugestões dos moradores, ele pretende visitar todos os bairros da cidade (ao todo 171 bairros) ainda durante o inverno.

“Temos que deixar claro é que é possível realizar algum tipo de benefício para a população ainda durante o inverno, como parte da drenagem e o piçarramento em pontos críticos”, destaca.

As visitas são necessárias porque segundo ele, é preciso adequar os projetos técnicos a realidade de cada comunidade. “Cada bairro tem uma demanda diferente, por isso é de extrema importância ouvir os moradores para que tanto nossa equipe técnica quanto as empresas que irão trabalhar na pavimentação possam ter a sensibilidade suficiente para interagir com a comunidade”, afirma Marcus Alexandre.

Nas vistorias que realiza nos bairros, o coordenador do programa Ruas do Povo em Rio Branco junto com toda a equipe técnica verificam os pontos de alagamento, onde há problemas de drenagem e esgoto e até mesmo onde é necessário refazer parte da rede de água. “Por isso temos que fazer isso durante o inverno porque no verão essa verificação não seria possível. Assim, colocamos nossa equipe técnica para colocar o pé na lama”, destaca.

Em 11 bairros, o comitê gestor do programa Ruas do Povo já deu ordem de serviço, onde no verão serão pavimentadas todas as ruas desses bairros. Em 16 dos bairros visitados o comitê está em fase final de elaboração de projeto onde, até o final do mês – a partir do dia 27 de dezembro – será iniciada o processo de licitação. “Nossa meta é já em março estarmos com as empresas contratadas para o início das obras de pavimentação”, explica Marcus Alexandre.