políticas públicas

Codificação das causas de óbitos é tema de capacitação realizada pela Saúde

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), por meio do Núcleo Estadual de Vigilância do Óbito, realiza a partir desta segunda-feira, 7, até quinta, 10, a 1ª Capacitação na Codificação das Causas de Óbitos, em Rio Branco. O evento é destinado aos operadores do Sistema de Informação de Mortalidade (SIM) das secretarias municipais de Saúde do Acre.

A capacitação se estende de 7 a 10 de outubro, em Rio Branco. Foto: Odair Leal/ Secom

O treinamento visa ao fortalecimento dos processos de codificação das causas de óbito, ampliação das habilidades no manuseio da Classificação Internacional de Doenças (CID-10), aplicação das regras de seleção da causa básica de morte e inserção da supervisão da codificação.

“As causas de óbitos, quando bem definidas, servem para a produção de indicadores que medem a qualidade da saúde da população, e assim possibilitam a criação de políticas públicas. O produto final desta iniciativa será um relatório crítico das causas básicas do óbito, com identificação e correção de possíveis inconsistências por município”, informou a coordenadora do Núcleo Estadual de Vigilância do Óbito, Rener Luciana de Oliveira.

Para a coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Porto Walter, Jamila Ferreira, a expectativa é de que o curso proporcione conhecimento para o manuseio correto das plataformas, bem como a inserção dos dados de forma completa e responsável.

Para a coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Porto Walter, Jamila Ferreira, a expectativa é de que o curso proporcione conhecimento suficiente para o manuseio correto das plataformas. Foto: Odair Leal/Secom

“O CID-10 é de responsabilidade do médico, mas quem lida com essas informações no sistema somos nós, da Vigilância. Este treinamento contribuirá, ainda, para que o município alcance as metas e na destinação de emendas, gerando respostas e produtividade”, disse.