Feira Sisa+

Agricultoras de Rio Branco dispõem de feira online para comercializar seus produtos

Loja virtual e sistema delivery ajudam a minimizar perdas e acessar novos mercados

O distanciamento social realizado em decorrência da Covid-19 tem provocado impactos significativos em diversos setores da economia, especialmente na agricultura familiar, que não conta mais com as feiras livres para comercializar seus produtos. No Acre, desde o início da pandemia as vendas caíram em mais de 90%, afetando os pequenos produtores.

Para o grupo de mulheres produtoras que vendiam seus hortifrutigranjeiros nas feiras semanais em Rio Branco, o impacto foi significativo, diminuindo a renda das famílias e a perspectiva para continuar o plantio de muitos dos seus produtos.

Loja virtual e sistema delivery ajudam a minimizar perdas e acessar novos mercados Foto: Neto Lucena/Secom.

Para auxiliar as produtoras, diversos setores do governo do Estado, aliados à Companhia de Desenvolvimento de Serviços Ambientais do Acre (CDSA), no contexto do Projeto Sisa+, apresentaram uma alternativa. Com atenção às pautas de baixas emissões e de gênero, rapidamente foi delineada a Feira Sisa+, uma loja virtual com todos os produtos disponíveis para entrega, compartimentada em categorias como verduras, frutas, legumes e produtos artesanais.

Feira Sisa+ é uma loja virtual com todos os produtos disponíveis para entrega, compartimentada em categorias Foto: Neto Lucena/Secom.

A plataforma de vendas online atende pelo website cdsafeirasisa.acreppp.org ou pelo aplicativo de mensagens WhatsApp no número (68) 98422-9880. Os pedidos são processados todas as quartas-feiras, com entregas em domicílio ou retirada às sextas–feiras, por meio de sistema drive thru, na Rua Rui Barbosa, nº 17, Centro, em frente ao Estádio José de Melo. “Estamos trabalhando para que as entregas sejam feitas dentro das exigências da saúde pública, com cuidados necessários no momento”, menciona  Jesuína Braga, produtora rural do Assentamento Walter Acer.

Verduras, frutas, legumes e produtos artesanais estão disponíveis para compra online Foto: Neto Lucena

O próximo passo nessa estratégia de gerenciamento de pedidos via delivery e drive thru será as próprias mulheres produtoras desenvolverem a capacidade de gerenciar a nova forma de negócio. Para isso, a CDSA já olha para os jovens das comunidades, planejando que em breve possam assumir a administração do negócio de vendas de produtos saudáveis de baixas emissões, organizando cada vez mais a cadeia produtiva via comércio eletrônico.

A feira digital é uma conquista das mulheres produtoras rurais de baixas emissões, que compreendem as cadeias produtivas de base sustentável, ou seja, que não utilizam agrotóxicos nem realizam queimadas e, muito menos, desmatamentos de novas áreas de florestas.  Além do respeito ambiental, essas cadeias produtivas possuem muitos fatores de agregação de valor de seus produtos, como a inclusão social, uma contribuição significativa para a construção de uma nova economia de mercado para o Acre.

A Feira Sisa+ vem tendo uma resposta muito positiva. Com esforço institucional e técnico, associado à engenharia social de disseminação de informação quanto à importância da manutenção da renda das produtoras rurais, esse trabalho tornou-se uma alternativa factível, inovadora e relevante para o enfrentamento às restrições de circulação de pessoas, bens e serviços.

A iniciativa vem sendo realizada com recursos do governo da Noruega para Clima e Florestas (NICFI), por meio da administração do Pnud, com parceria do Earth Innovation Institute (EII), apoio da Força-Tarefa dos Governadores para o Clima e Florestas (GCF-FT), com ações integradas das seguintes instituições do governo do Estado do Acre: Instituto de Mudanças Climáticas e Regulação dos Serviços Ambientais (IMC), Fundação de Tecnologia do Acre (Funtac), Secretaria de Estado de Produção e Agronegócio (Sepa), Secretaria de Estado de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict), Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo (Seet), Gabinete da Primeira-Dama, Secretaria de Estado de Assistência Social, Diretos Humanos e Políticas para Mulheres (SEASDHM) e Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema).

Como fazer o pedido pelo site:

Passo 1: Acessar o link: https://cdsafeirasisa.acreppp.org

Passo 2: Ingressar em Compre Agora

Passo 3: Adicionar os produtos de sua preferência ao carrinho

Passo 4: Fechar a compra e aguardar confirmação de seu pedido